Chez Lá Fora

Gani Gani em Istambul



Vale lembrar que a cidade de Istambul já pertenceu aos grandes impérios como o Bizantino e o Otomano. É lá onde se encontram os resquícios desses impérios, o que não faltam são ícones e lugares históricos. E em alguns bairros é possível observar a arquitetura otomana preservada, são casas de madeira com três ou mais andares com uma frente curta onde têm uma porta e duas janelas de cada lado bem centralizadas. Outra característica desse tipo de construção é o avanço dos andares superiores para frente formando algo como uma proteção para a entrada a baixo (veja a foto a baixo).
 
 
O restaurante Gani Gani fica na região de Beyoğlu, próximo à movimentada Istiklal Caddesi (www.naumpasakonagi.com). É um lugar à parte, com arquitetura otomana, esse restaurante escondido, ocupa seis andares cheios de pequenas salas confortáveis que podem ser privativas ou comunitárias. Com mesas baixas cercadas por tapetes kilim e alfomadas com temas para se sentar e ficar à vontade. Os corredores, escadas e paredes são repletos de objetos e peças típicas expostas parecendo um museu.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Lá as especialidades são do leste turco como o Mantı (espécie de ravióli recheado com carne, que é assado e pode ser servido com iogurte fresco ou manteiga derretida), Lahmacun (é um pão chato e fino aberto como uma pizza e coberto com uma carne moída e tomate levemente temperados) e claro, uma variedade de Kebap, originalmente quer dizer churrasco e deriva do signiicado de “carne cortada/fatiada”. Vale a pena experimentar o Sarma Beyti, kebab de kafta enrolado com pão e queijo coberto com molho de tomate e vem acompanhado de bulgur, trigo cozido, e coalhada seca; e o Iskender Kebap, a carne (bovina ou ovina) assada no espeto e fatiada sob pão turco coberto com molho de tomate e manteiga, acompanha iogurte bem cremoso.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
É importante o aviso que não têm bebidas alcoólicas no cardápio por ser um restaurante tradicional. De acordo com a religião mulçumana e o período otomano, não deveriam beber bebidas com álcool. Portanto é interessante experimentar alguns dos sucos de frutas da região como o de cereja ou de romã.