Onde estou? HOME | CHEZ VISITA

Chez Visita

Da Bambrini - Rio de Janeiro


 A revolução italiana que transformou o Leme

Da Bambrini - Rio de Janeiro

Há vinte e cinco anos, Gibo Brambini trouxe a revolução para o Leme, o menor – e mais adorável – bairro do Rio. E não me venha dizer que é exagero porque só quem viveu sabe a emoção que a chegada da focaccia causou por ali. 

Meu avô, fiel frequentador, costumava dizer que não se comia melhor em nenhuma outra garagem da cidade. Demorei a aceitar, contudo ele estava certo. É mais do que possível que o restaurante da Avenida Atlântica tenha sido um dia um estacionamento para 6 carros. No máximo.

Ser pequeno é parte do segredo da longa vida do lugar. Eles não tem mais do que quinze mesas e a maior parte da equipe está lá desde o dia da abertura. Essa combinação somada a decoração clássica nos dão a rara sensação de visitar um velho – e adorado – conhecido.

Um dilema do qual não se pode fugir é o antipasto. Resistir é difícil e se entregar pode ser fatal. São focaccias, bruschettas e pães recheados acompanhados de patê de fígado e de cogumelos e um sem fim de maravilhas em conserva e antes que você note, já é a terceira cestinha e não há mais sombra de apetite. O que no contexto, pode-se chamar de tragédia. Evitar um problema dessa dimensão é simples: amarre suas mãos ou peça que o garçom tenha a clemência de não repor nadinha. 

Superada a primeira etapa, outros conflitos surgem, esses, mais simples. Consistentemente venho aqui para comer o pargo ou o vermelho – depende do frescor da pesca do dia – assado no sal grosso, com manteiga queimada, aspargos verdes e batatas ao forno. Nada me dá mais confiança no destino do que esse prato acompanhado de um Torrontés gelado ou qualquer vinho branco capaz do mesmo efeito.

Nos dias frios as massas são irresistíveis e  para horror do chef, Umberto Vegetti, optar entre o penne com aspargos e a lasanha – de longe, a melhor da cidade – é meu comportamento convencional.  Se me falta criatividade, não se pode dizer o mesmo da minha habilidade em provar o prato alheio e nas minhas garfadas, afirmo que o ossobuco e o frutti di mari misto merecem todas as investidas.

Existe uma lei municipal que te impede de deixar o Da Brambini sem comer o tiramisu. Assim, se alguém te acusar de gula, retruque dizendo que você é apenas uma pessoa honesta, cumprindo regras. Esse truque funciona pra mim desde a chegada da revolução. 

Valentina Castello Branco

 

Galeria


Serviço

Nome: Da Bambrini - Rio de Janeiro
Endereço: Av.Atlântica 514 - Leme - Rio de Janeiro - RJ - 22041-901 [ VER MAPA ]
Contato: 21-2275-4346
Site: www.dabambrini.com.br
Horário de Funcionamento:
 das 12h ao ultimo clente
Culinária:
 Italiana
Outras Informações:
Manobrista:
Lugares: 40 Rolha:

Cartões:
Crédito:
 Todos



Comentário


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR



Envie seu comentário [Todos os comentários só são exibidos após a aprovação do Chez Croque]


PARA ENVIAR UM COMENTÁRIO, É NECESSÁRIO ESTAR CADASTRADO






 

...


Habitués

SEJA O PRIMEIRO


Participar

...